Maiores desastres ambientais causados por falha humana | Blog Unigran Net

Uma coisa é fato, os desastres ambientais dos últimos anos tem levantado cada vez mais preocupações sobre as ações do homem contra a natureza e suas consequências. A resposta do planeta tem sido cada vez mais rápida.

Além disso, os piores acidentes da história causados por falha humana demonstram que os frutos desses impactos podem ser colhidos por muito tempo. Em relação aos prejuízos, infelizmente não conseguimos voltar no tempo para evitá-los.

No entanto, é essencial conhecer e usar a história para evitar a qualquer custo esses erros no futuro. Afinal, o acúmulo dessas consequências pode tornar os erros irremediáveis e fatais para os seres vivos. 

A seguir, separamos os 5 maiores desastres ambientais causados por falha humana registrados na história e como eles impactaram o mundo. Confira!

Os 5 maiores desastres ambientais causados pelo homem

1. Acidente nuclear em Chernobyl – Ucrânia

O desastre em Chernobyl aconteceu em 26 de abril de 1986 e é considerado o pior acidente nuclear da história. A usina situada na Ucrânia possuía quatro reatores, onde um deles explodiu.

O poder da radiação lançado na atmosfera correspondeu a 100 vezes mais do que o impacto das bombas de Hiroshima e Nagasaki. Com essa potência, a poluição radioativa invadiu também as regiões da Rússia, chegando a parte da Europa. 

Chernobyl, Ucrânia
Acidente nuclear em Chernobyl, Ucrânia. (Fonte: G1)

Além das mortes, muitas pessoas contraíram ou desenvolveram doenças e tiveram complicações na saúde, como câncer. De acordo com os registros, cerca de 50 mil pessoas foram afetadas pela radiação, além de quilômetros de vegetação que foram contaminados.

Atualmente, a área permanece desativada e isolada. No entanto, alguns estudos afirmam que a deterioração gradativa dessa área ainda representa consequências futuras entre os desastres ambientais.

2. Vazamento de mercúrio em Minamata – Japão

O vazamento de mercúrio que afetou a região de Minamata, no sudoeste do Japão, aconteceu em 1954. A princípio, os moradores da região começaram a observar comportamentos estranhos nos animais daquela área.

Os gatos, por exemplo, começaram a apresentar quadros de convulsão e se atiravam ao mar. No entanto, somente em 1956 os sintomas foram observados pela primeira vez em humanos. 

Nesse momento, os sintomas de convulsão e descontrole e perda das funções motoras deram nome a uma doença – a “doença de Minamata”. Por dois anos, a causa dessa doença ainda era desconhecida.

Em 1958, foi constatado que a doença de Minamata estava relacionada com o envenenamento das águas da região. Esse envenenamento foi causado por mercúrio e outros metais pesados que infectaram os peixes e outros seres marinhos, principal alimento dos moradores dessa região.

3. Vazamento de agroquímicos em Bophal – Índia

Vazamento de agroquímicos em Bophal, Índia
Vazamento de agroquímicos em Bophal, Índia. (Fonte: DMT em Debate)

Este vazamento de agroquímicos está na lista de desastres ambientais que geraram muitas mortes. O acidente aconteceu entre os dias 2 e 3 de dezembro de 1954, em uma fábrica de pesticidas em Bophal, na Índia.

Como consequência da falha humana, foram lançados cerca de 40 toneladas de Isometilcianato em forma de gases letais na atmosfera.

Muitas pessoas morreram imediatamente ao entrar em contato com o gás. No entanto, muitas morreram meses após o acidente ou por decorrência de complicações na saúde pela contaminação.

Em geral, cerca de 15 mil pessoas morreram por causa do gás letal. Em relação ao número de dos que foram atingidos e prejudicados de alguma forma, estima-se cerca de 500 mil pessoas. 

4. Vazamento de petróleo por explosão de plataforma – Golfo do México

Vazamento de petróleo por explosão de plataforma, Golfo do México
Vazamento de petróleo por explosão de plataforma, Golfo do México. (Fonte: El País)

No dia 20 de abril de 2010, uma explosão na Deepwater Horizon afundou a plataforma no Golfo do México, registrando o maior derramamento de petróleo da história nos Estados Unidos.

O vazamento através das tubulações rompidas criou uma mancha negra gigantesca no litoral americano.

Como impacto ambiental, o petróleo dizimou a fauna marinha da região. O que também causou prejuízos políticos e econômicos, já que a área era muito frequentada por turistas e pescadores.

5. Explosão de poços de petróleo – Kuwait

Apesar de não ter sido tão acidental, a explosão dos poços entra para a lista dos maiores desastres ambientais da história como uma terrível falha e maldade humana.

Após ser obrigado a se retirar de Kuwait, Saddam Hussein deu ordem para a destruição dos poços de petróleo da região.

Cerca de 600 poços foram incendiados e explodiram, permanecendo em chamas por cerca de 7 meses!

A fumaça envenenada e carregada de fuligem e cinzas tóxicas foi nomeada de “A chuva Negra”, matando milhares de animais e cerca de mil pessoas, através de intoxicação e problemas respiratórios.

Enfim, quer saber mais sobre como os profissionais do meio ambiente podem ajudar a tornar o planeta um lugar melhor? Então, conheça agora mesmo nosso curso de graduação em Biologia!


Postagens Relacionadas